m

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur
adipiscing elit. Etiam posuere varius
magna, ut accumsan quam pretium
vel. Duis ornare

Latest News
Follow Us
GO UP

Páscoa: Origem e celebrações

Dando início a mais uma série de textos sobre um determinado tema a Tio Nenê Orlando irá abordar a celebração da Páscoa!

O que é?

Todos celebram a páscoa no Brasil. Mas talvez poucos saibam o real significado da celebração. Ela é uma importante homenagem da igreja cristã a ressurreição de Jesus Cristo. Ela fecha a chamada semana santa e traz uma mensagem de paz, amor e celebração.

De acordo com o calendário cristão as comemorações da semana santa seguem a seguinte ordem: Na quinta-feira santa comemora-se a missa da ceia do Senhor. Na sexta-feira lembra-se a crucificação de Jesus. E no domingo, enfim, acontece a celebração da páscoa, que celebra a ressurreição e o primeiro aparecimento dele aos seus discípulos.

A Páscoa é uma festa móvel, acontecendo em datas diferentes e encerra (além da semana santa) o período da quaresma, no qual os fiéis devem permanecer 40 dias em penitências e períodos de jejum para purificar o espírito e a alma.

Como é uma festa cristã, ela é comemorada em vários países ao redor do mundo. Os espanhóis a chamam de pascua. Os italianos de Pasqua, os franceses de pâques e os norte-americanos de Eastern.

A festa tem como símbolo maior o coelhinho da páscoa, considerado pelos povos antigos um verdadeiro representante da fertilidade e do ressurgimento da vida.

Celebrações

Nas culturas ocidentais a páscoa é a celebração mais importante do calendário, atrás apenas do natal. Suas origens remontam aos rituais pagãos de séculos atrás. Os cristãos celebram a ressurreição de Jesus Cristo enquanto os judeus também já celebravam a data mesmo antes de seu nascimento mas sem sentido religioso. Apenas festejando o dia da liberdade no Egito após anos de escravidão.

Hoje, a páscoa cristã é a mais celebrada ao redor do mundo. Ela fecha o período da quaresma (40 dias nos quais os fiéis passam por penitências e jejum para purificar-se dos pecados) e a semana santa.

Ela é repleta de símbolos como o coelhinho da páscoa (escolhido por representar a fertilidade e ao ressurgimento da vida). Os ovos de páscoa foram escolhidos por representar a mais perfeita embalagem feita pela natureza. Tanto que desde os primórdios da humanidade sacerdotes escolheram o ovo para representá-los.

Nos dias de hoje, uma das mais divertidas partes da festa é a caça aos ovos escondidos e a troca de ovos com seus familiares, amigos e pessoas amadas.

Vale ressaltar que páscoa vai muito além da troca de ovos. Ela é e sempre foi uma celebração com forte conotação religiosa e que nos faz refletir e lembrar a existência de Jesus Cristo e de todo o sacrifício que ele fez pela raça humana.

Está gostando da nossa série de textos sobre a Páscoa? Não perca o texto que irá falar justamente sobre a celebração da festa aqui em Orlando. Aguardem!